sexta-feira, 16 de março de 2018

Fluminense perde novamente para o Avaí e é eliminado da Copa do Brasil

A trajetória do Fluminense na Copa do Brasil foi encerrada na noite desta quarta-feira, em Florianópolis. Em partida disputada na noite desta quarta-feira, na Ressacada, o Tricolor das Laranjeiras foi derrotado pelo Avaí por 1 a 0. 

Como já tinha vencido a primeira partida, disputada no Rio de Janeiro, por 2 a 1, a equipe catarinense conseguiu carimbar sua vaga para a quarta fase da competição nacional. O único gol do jogo foi marcado por Lourenço, no segundo tempo.


O Avaí fez por merecer a classificação. Suportou uma forte pressão do Fluminense no primeiro tempo e mostrou competência para conseguir marcar na segunda etapa e depois administrar a vantagem diante de um adversário muito lutador, mas pouco inspirado. O time dirigido por Abel Braga não conseguiu ser superior ao adversário, apesar do empenho demonstrado pelos seus jogadores.

O jogo – Precisando da vitória, o Fluminense, mesmo como visitante, partiu para o ataque desde o primeiro minuto, mas encontrou um adversário bem postado na defesa. Aos sete minutos, em toques rápidos, o Tricolor das Laranjeiras chegou nas imediações da área e Marcos Júnior bateu cruzado, mas Betão desviou e impediu que a bola chegasse ao gol. Logo depois, Ayrton Lucas fez ótima jogada pela esquerda, se livrou de dois adversários, mas acabou desarmado por Judson dentro da grande área.

Aos 15 minutos, Getúlio foi lançado por Moritz dentro da área, mas hesitou e, ao tentar passar para Luanzinho, acabou desarmado pela defesa tricolor. A resposta do time visitante em lançamento para a área. Aranha saiu mal e a zaga desviou para escanteio. Na cobrança, Ibañez, de cabeça, desviou para escanteio.
O time carioca continuava melhor. Aos 19 minutos, Jadson se infiltrou pelo meio, recebeu a bola, mas errou ao tentar o cruzamento.

O Avaí criou seu melhor momento aos 27 minutos quando após bola levantada na área, Luanzinho concluiu de meia-bicicleta e Júlio César fez grande defesa, evitando o gol da equipe catarinense. Aos 34 minutos, o lateral Ayrton Lucas fez outra boa jogada pela esquerda, invadiu a área e tocou para Pedro que bateu de primeira. O goleiro Aranha resvalou na bola que se chocou com o travessão. A partida ficou mais corrida com ligeira supremacia da equipe visitante. Só aos 42 minutos é que o Avaí voltou a dar o ar da sua graça em falta bem cobrada por João Paulo, A bola passou bem perto da trave tricolor.

Os dois times voltaram para o segundo tempo sem modificações. No primeiro minuto, após cobrança de escanteio, Reginaldo cabeceou e a bola encobriu o travessão. Logo depois, Reginaldo atrasou mal para Júlio César e o goleiro teve que correr para chegar antes de Romulo.

A equipe carioca seguia melhor e, aos sete minutos, após boa jogada de Ayrton Lucas que investiu pela esquerda e cruzou, Pedro se antecipou a Alemão e cabeceou para fora.
Um minuto depois, Maurinho, na primeira participação, arriscou de fora da área. A bola bateu em Ibañez, mas Júlio César fez grande defesa. Logo depois, o goleiro tricolor voltou a aparecer bem em cobrança de falta executada por João Paulo. Aos 15 minutos, Marcos Junior escorou, de cabeça, para Pedro que mandou a bomba, mas a bola encobriu o travessão.

Logo depois, o atacante Getúlio recebeu o segundo cartão amarelo e foi excluído de campo. Com um jogador a mais, o Fluminense partiu para buscar o gol, enquanto o Avaíse retraiu para segurar o resultado. Para tentar aproveitar a vantagem numérica, o técnico Abel Braga trocou o volante Richard pelo meia Dudu.Aos 25 minutos, após cobrança de falta executada por João Paulo, Ibañez tentou o corte e quase surpreendeu o goleiro Júlio César. Quatro minutos depois, Dudu entrou de forma violenta sobre Luan e foi expulso de campo, deixando os dois times em igualdade de condições.

Aos 31 , Robinho fez ótimo lançamento para a entrada de Pedro, mas o goleiro Aranha chegou primeiro e conseguiu evitar a conclusão do atacante. Um minuto depois, o Avaí marcou o primeiro gol. João Paulo fez cruzamento perfeito para a cabeçada de Lourenço. A bola entrou no canto direito de Júlio César que se esticou, mas não conseguiu fazer a defesa.

Sem outra alternativa, o Tricolor das Laranjeiras partiu para o ataque e criou bom momento aos 35 minutos quando Gilberto arriscou de esquerda e Aranha fez grande defesa, espalmando para escanteio. Logo depois foi a vez de Reginaldo cabecear com perigo, mas a bola saiu. O Fluminense partiu para buscar o empate no desespero, enquanto o Avaí passou a gastar o tempo para segurar o resultado. Romulo ainda acertou a trave de Júlio César aos 43 minutos,

FICHA TÉCNICA
AVAÍ-SC 1 X 0 FLUMINENSE-RJ


Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 15 de março de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 21h30(de Brasília)
Público: 8296 pagantes
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

Cartão Amarelo: Judson, Getúlio(Av); Ibañez, Sornoza(Flu)

Cartão Vermelho: Getúlio(Av); Dudu(Flu)

Gols:
AVAÍ: Lourenço, aos 32 minutos do segundo tempo

AVAÍ: Aranha, Guga, Alemão, Betão e João Paulo; Judson, Luan(Menezes) e André Moritz(Lourenço); Romulo, Getúlio e Luanzinho(Maurinho)
Técnico: Claudinei Oliveira

FLUMINENSE: Júlio César, Reginaldo, Gum e Ibañez(Matheus Alessandro); Gilberto, Richard(Dudu), Jadson, Sornorza e Ayrton Lucas; Marcos Júnior(Robinho) e Pedro
Técnico: Abel Braga

Da Gazeta Esportiva

Nenhum comentário: