segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

NOSSA OPINIÃO: Nova UBS do bairro Mussuca, em Laranjeiras, continua abandonada pela gestão de Paulão da Varzinhas

Com mais de um ano de administração, o prefeito Paulo Hagenbeck (Paulão da Varzinhas / DEM) continua sem tomar nenhuma providência, sobre o prédio da nova Unidade Básica de Saúde, localizada no bairro Mussuca. A UBS foi construída durante a gestão do ex-prefeito José de Araújo Leite Neto (Juca de Bala / MDB), numa parceria entre o Governo Federal e a Prefeitura de Laranjeiras. Havia previsão de ser entregue para comunidade até o final da gestão de Juca.
Mas devido aos atrasos na construção da obra, mesmo com todo esforço empreendido pela gestão anterior, não foi possível entregar a UBS até o final do mandato. Por isso a unidade de saúde ficou para ser colocada em funcionamento pela nova gestão.

Antes de entregar a Prefeitura ao novo gestor, o ex-prefeito Juca fez uma vista ao prédio acompanhado de assessores e vereadores, além de lideranças do bairro. Mostrando as condições em que estava entregando o prédio da nova UBS do bairro Mussuca. Na oportunidade, a reportagem do RSNOTÍCIA esteve também presente e confirmou o perfeito estado de conservação e conclusão do prédio. A obra estava pronta faltavam apenas os móveis e equipamentos, que deveriam ser adquiridos junto ao Governo Federal.


Realidade atual

Desde que assumiu a prefeitura, em janeiro de 2017, até a presente data (22/01/2018), o prefeito Paulão da Varzinhas não tomou nenhuma providência, no sentido de colocar em funcionamento a nova UBS do bairro Mussuca. A estratégia adotada pela atual gestão foi levantar suspeita sobre a construção da obra. Espalhando boatos através das redes sociais, que as colunas de sustentação do prédio não foram edificadas corretamente. Para isso, depois de quase seis meses de mandato, por volta do mês de junho do ano passado, solicitou a Defesa Civil vistoriar toda obra. Mas contrariando as especulações e intenções do prefeito Paulão, a obra foi aprovada, através da vistoria realizada pelos técnicos da Defesa Civil. Mesmo assim, o gestor permaneceu inerte com relação a fazer algo pela abertura da UBS.

Abandono da UBS

Atualmente o prédio da nova UBS está completamente abandonado e sendo a cada dia depredado, está aberto e sem nenhuma vigilância da prefeitura. Com portas e vários objetos internos retirados e destruídos pelos vândalos. Um completo desrespeito ao patrimônio público! Pior do que a destruição causada pelos vândalos é a falta de compromisso e respeito com a população, adotada pelo prefeito Paulão da Varzinhas, que assiste a tudo isso sem fazer absolutamente nada. Uma completa vergonha!

Literalmente podemos afirmar que para essa situação, a cidade não tem prefeito. Não consigo entender o que passa na cabeça do prefeito Paulão da Varzinhas, sobre essa situação. Sabemos que existem pendências entre o Governo Federal e a empresa que construiu a UBS. Mas isso já poderia ter sido resolvido há muito tempo, se o gestor tivesse feito seu papel de administrador do município. Pois ele foi eleito para isso, cuidar do município.

Nosso clamor ao gestor municipal

Este blogueiro clama pela sensibilidade do atual prefeito, lhe fazendo uma simples pergunta: Prefeito Paulão, vai deixar para tomar as providências necessárias, quando os vândalos destruírem completamente a UBS? Porque com todo respeito, sua postura está demonstrando que seu desejo é que a UBS seja destruída. Agora faço outra pergunta: O senhor acha que a comunidade do bairro Mussuca está aprovando sua postura, em relação ao prédio da nova UBS? Parece que seus assessores lhe dizem que estão. Será que a falta de motivação do prefeito Paulão para cuidar daquela obra é por que foi construída na gestão de Juca? Pensamos assim, porque o tratamento que a gestão dele vem dando a todas obras realizadas na gestão anterior é muito ruim. Paulão, as obras não são de Juca não. Foram feitas com o dinheiro do povo e pertencem ao público. Tire essa ideia arcaica da cabeça e exerça sua obrigação de prefeito e tome conta do patrimônio público!

A Prefeitura precisa urgentemente fechar o local e promover a recuperação de tudo que foi destruído. Paralelo a essa ação, deve trabalhar junto à empresa responsável pela construção da obra, a realização dos retoques finais da construção e também providenciar junto a Caixa Econômica e ao Governo Federal destravar, ou seja, liberar a parte restante dos recursos para a conclusão da obra. Se desde o início da gestão atual, o prefeito já tivesse feito isso, a comunidade da Mussuca e do Cedro já estariam utilizando a UBS.

Nossa expectativa

Espero que através desta matéria o prefeito Paulão seja sensibilizado e movido a tomar as devidas providências, do contrário, prometo fazer uma ampla repercussão em toda imprensa estadual, pedindo ajuda para a solução do grave problema.

Estamos postando em anexo a este comentário, um vídeo feito recentemente e que comprova a situação atual do prédio da nova UBS do bairro Mussuca. Assista e confira. 




Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM