quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Programação do Simpósio do XLIII Encontro Cultural de Laranjeiras é divulgada pela Secult

Reunião da comissão (Foto: Secult)
O Simpósio acontece entre os dias 04 a 06 de janeiro, do próximo ano.

A comissão organizadora do Simpósio do XLIII Encontro Cultural de Laranjeiras esteve reunida na manhã desta quinta-feira, 07 de dezembro. Na ocasião, a equipe da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) apresentou uma proposta de programação para o Simpósio, com base nas sugestões de palestrantes e convidados dadas em reuniões anteriores.

O Simpósio acontece entre os dias 04 a 06 de janeiro de 2018, tendo como tema central “Nosso Palco é na Rua”.

A temática desta edição é voltada aos artistas de rua, tanto no que diz respeito à cultura popular, ao teatro e outras manifestações artísticas.

Como de costume, o evento reúne pesquisadores e agentes culturais de várias partes do país para debater sobre estas manifestações verificando questões históricas, tendências e políticas públicas que as cercam. O Simpósio conta com o apoio da Universidade Federal de Sergipe (UFS), Secretaria de Estado da Mulher, Inclusão e Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh), Prefeitura Municipal de Laranjeiras, Instituto Banese, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em Sergipe (Iphan-SE) e do Fundação Nacional de Artes (Funarte).

Confira a programação: 

Dia 4 de janeiro


8h30 - Cortejo de grupos folclóricos:
- Cacumbi mirim
- Samba de Pareia mirim
- São Gonçalo mirim
9h30 - Abertura:
- Palavras de boas vindas do Prefeito Municipal
- Palavras do Secretário de Estado da Cultura

10 horas- Lei do Patrimônio Vivo - As experiências de Pernambuco e Ceará

- Fabiano Piuba Secretário de Cultura do Ceará
- Marcelino Granja - Secretario do Estado da Cultura de PE
- Mestre Pernambuco
- Mestre Ceará
- Mestres dos grupos de Laranjeiras
- Zé Rolinha e Maria da Conceição
- Representante da Prefeitura de Laranjeiras

11h30 - Patrimônio Imaterial: um debate aberto
- Katia Bogéa- Presidente do Iphan Nacional
- Fernando Aguiar – professor e membro do Conselho Estadual da Cultura
- Edílio José Soares Lima- Representante do IPHAN/SE

13 horas - Intervalo para o almoço

14h30 - Apresentação do projeto: Largo da Gente Sergipana.
- Ezio Déda – Diretor- Superintendente do Instituto BANESE

15h As festas tradicionais e os diferentes processos de atualização:
- Oswaldo Trigueiro/PB
- Oswald Barroso/CE

Dia 5 de janeiro

9 horas - Nosso palco é na rua: Tradição e contemporaneidade nas festas de rua
- Angelo Perret Serpa/BA
- Alexandra Dumas/SE

11 horas - Mesa: A diversidade do palco e da rua:

- As manifestações populares: fontes para a construção de uma pesquisa de linguagem - Lindolfo Amaral
-Nosso palco é o canavial Projeto Teatro na Usina com Performances Folkcomunicacionais - Severino Lucena : professor do Programa de Pós Graduação no Posmex na Universidade Federal Rural de Pernambuco e Italo Romany – mestrando do programa de pós-graduação do Posmex na Universidade Rural de Pernambuco

- Encontro Nordestino de Cultura: multiplicidade de linguagens- Neu Fontes/SE e Tiara Câmera
- Mestre Satu e o enterro do boi
- Aglaé d’Ávila/SE

13 horas- Intervalo para o almoço
14h30 - Apresentação de comunicações

Dia 6 de janeiro

9 horas - Mesa: Políticas Públicas para Arte Pública
- Amir Hadad/RJ
- Representante do MinC/
11 horas - Mesa: Os mestres e seus saberes
- Mestre Dió (Samba de Coco do Mosqueiro)
- Mestre Sabaú (Reisado do Marimbodo)
- Dona Holanda (Samba de Coco da Barra)
- Mestra Barbara (Taieira de Laranjeiras)
Mediador: Antônio Amaral – presidente do Conselho Estadual de Cultura
13 horas - Moções
13h30 - Escolha do tema do XLIV Simpósio e Encerramento

As informações são da Secult.

..texto
                                               

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM