domingo, 6 de agosto de 2017

Sertanejo é preso por causar acidentes e negar socorro a vítimas

Após prestar depoimento e pagar fiança, José Fernando Soares, o Nando, da dupla sertaneja Nando & Lucas, foi solto.

Notícias ao Minuto - José Fernando Soares, o Nando, da dupla sertaneja Nando & Lucas, foi preso em flagrante nesta sexta-feira (4), em Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, por fugir sem prestar socorro às vítimas de um acidente de trânsito no qual estava em envolvido. De acordo com a polícia, o cantor é suspeito de ter provocado duas colisões, que deixaram feridos - um deles, uma mulher grávida, de três meses.

As informações são de que o primeiro acidente ocorreu na Rua Senhor do Bonfim, no bairro Mimoso, às 8h30. Nando estava no carro com a namorada e, ao perder o controle do automóvel, bateu em dois veículos estacionados e atingiu o portão de uma casa.

"Eu estava na cozinha e foi quando eu ouvi o primeiro estrondo. Aí logo em seguida, ouvi outro. Eu corri para frente e o carro estava enfiado dentro do portão da minha casa. O cara saiu e botou a mão na cabeça. A moça saiu também e ele falou que era uma briga de casal. Depois, os dois entraram no carro e fugiram", destacou, ao G1, a dona da casa Liliane Amorim.

A outra colisão teria sido causada porque o cantor teria invadido o cruzamento da Rua Manoel Novaes com a Avenida Salvador, atingindo uma motocicleta. O mototaxista Armando Miguel de Jesus, de 42 anos, e a cliente dele, Daiana de Jesus Silva, de 22, que está grávida, sofreram ferimentos leves, mas não correm risco de morte.

Perseguido por colegas de Armando de Jesus, o cantor foi localizado e preso pela Polícia Militar na casa em que mora. O carro, com marcas dos acidentes, foi apreendido. Após prestar depoimento e pagar fiança de dois salários mínimos, José Fernando Soares foi solto. A polícia informou, no entanto, que o artista responderá por lesão corporal, omissão de socorro e danos materiais. Em nota, a defesa do cantor revelou que o cliente não tinha ingerido bebida alcoólica e que não prestou socorro pois "temia pela própria segurança".

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM