sábado, 8 de julho de 2017

SSP diz que número de assaltos a ônibus diminuiu 68,8% em Sergipe

Foram 108 casos contabilizados ano passado e 90 no mesmo período deste ano.

G1  - Na manhã desta quinta-feira (6) a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP) divulgou dados sobre crimes de homicídio e roubo a ônibus praticados no mês de junho em todo o Estado.

Segundo a SSP, em comparação ao mesmo período do ano anterior, os números revelam uma redução de 16,7% nos homicídios praticados em todo o estado e 68,8% na incidência de roubos a ônibus.



Foram 108 casos contabilizados ano passado e 90 no mesmo período deste ano. Os dados são da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal da SSP (Ceacrim) e do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviários do Município de Aracaju- Sintra.

Em relação aos números de homicídios dolosos na capital a SSP afirma que houve uma redução de 21,8%, na região metropolitana, que abrange os municípios de Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, São Cristóvão, Barra dos Coqueiros, Riachuelo, Laranjeiras, Itaporanga, Santo Amaro das Brotas e Maruim, em comparação ao mesmo período do ano passado, houve uma diminuição de 4,91% nos homicídios praticados. No interior do estado, a taxa de redução foi de 22,2%.

De acordo com o delegado geral em exercício, Jonathas Evangelista está havendo uma redução nos índices de homicídios mês a mês. “Isso é o resultado de um trabalho integrado e planejado para conter o número de homicídios”.

Já sobre os registros de homicídios no interior do Estado, os dados da Ceacrim apontam uma queda de 10,7% em relação a junho de 2016. Foram 35 homicídios dolosos em junho deste ano, contra 45 registrados no mesmo período de 2016.

Roubos a ônibus na capital

Sobre o registro de roubos a ônibus no mês de junho de 2017, em comparação ao mesmo período do ano passado, de acordo com os dados do diretor da Ceacrim, Sidney Santos Teles, houve uma redução de 68,8% em relação ao mesmo período de 2016. “Foram 215 roubos em junho de 2016 e 67 em junho de 2017, essa redução é derivada do trabalho integrado entre as polícias”, disse.

De acordo com o Comandante do Policiamento Militar da Capital (CPMC), coronel Vivaldy Cabral, os números são o resultado de um trabalho integrado ente as polícias civil e militar, guardas municipais e SMTT, além do Sintra. “Nós tivemos uma redução de quase 70% no número de assaltos a ônibus, e todos esses segmentos tiveram a sua parcela de participação, porque passa pelo patrulhamento nos terminais, pela melhoria da qualidade de imagem das câmeras dos veículos, na questão das abordagens e das investigações para combater essas ações”.

De acordo com ele, houve uma redução de 48,6% se considerando o primeiro semestre deste ano em relação ao primeiro semestre de 2016. Foram 539 ocorrências este ano, contra 1049 no ano passado.

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM