sábado, 29 de julho de 2017

São Paulo vence Botafogo em virada com sete gols

Reforços do time paulista funcionaram na estreia de Dorival Júnior.

Em sua apresentação como técnico do São Paulo, Dorival Júnior afirmou que talvez fosse o caso de o clube fechar seu balcão de negócios, devido às constantes mudanças no elenco durante o primeiro semestre.


A diretoria ainda trabalhou. O meia Hernanes e o meia-atacante Marcos Guilherme foram as últimas dessas contratações. Neste sábado (29), em vitória por 4 a 3 sobre o Botafogo, no Rio, é certo que Dorival não está arrependido de poder contar com a dupla.

Marcos Guilherme marcou duas vezes em sua estreia e Hernanes anotou outro, todos no segundo tempo, garantindo ao time três pontos em partida que já parecia perdida.

Pela segunda rodada seguida o São Paulo busca um resultado positivo depois de se ver em desvantagem no placar. Pela segunda vez também contra adversários muito mais bem colocados na tabela. Na segunda passada (24), empatou com o Grêmio por 1 a 1.

Isso depois de a derrota parecer encaminhada.

Depois de abrir o placar no Rio de Janeiro e de perder um pênalti, o time de Dorival Júnior foi punido provisoriamente por um time conhecido por seu oportunismo. O Botafogo chegou a ter placar favorável de 3 a 1, aos 39 min do segundo tempo.Mas abaixou a guarda e permitiu a segunda virada do jogo.

O São Paulo agora sustenta invencibilidade de três rodadas sem derrota. Com três pontos escapa provisoriamente da zona de rebaixamento, pulando para o 15º lugar. Agora, fica na torcida contra Avaí, Atlético-PR e Coritiba. Com informações da Folhapress.

BOTAFOGO

Gatito Fernández; Luis Ricardo, Joel Carli, Igor Rabelo e Victor Luis (Victor Lindenberg); Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, João Paulo e Marcos Vinícius (Guilherme); Rodrigo Pimpão e Roger (Brenner).

T.: Jair Ventura.

SÃO PAULO

Renan Ribeiro; Bruno, Rodrigo Caio, Arboleda e Edimar; Jucilei e Petros (Marcos Guilherme); Marcinho (Wellington Nem), Hernanes e Cueva; Lucas Pratto (Gilberto).

T.: Dorival Júnior.

Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)

Auxiliares: Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (ambos de GO)

Público/Renda: Público: 14.016 (pagante)/R$ 528.120,00

Cartões amarelos: Petros (São Paulo)

Gols: Cueva (SAO), aos 18 minutos do primeiro tempo; Marcos Vinicius (BOT), aos 19 e 25 minutos do primeiro tempo; Guilherme (BOT), aos 23 minutos do segundo tempo; Marcos Guilherme (SAO), aos 39 e 47 minutos do segundo tempo; e Hernanes (SAO), aos 41 minutos do segundo tempo.


Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM