sexta-feira, 21 de julho de 2017

Jair Ventura exalta espírito de luta do Botafogo após empate

O treinador destacou a entrega da equipe em duelo de muita marcação e poucas chances de gol.

Estadão Conteúdo - O técnico Jair Ventura aproveitou o empate do Botafogo por 0 a 0 com o Atlético Paranaense, na noite de quinta-feira, na Arena da Baixada, para valorizar o espírito de luta dos seus jogadores.
Após o compromisso válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador destacou a entrega da equipe em duelo de muita marcação e poucas chances de gol.

"É uma marca da nossa equipe, esse jogo coletivo. Tenho jogadores fantásticos que são super aplicados dentro do jogo. Facilita muito a vida do treinador. Os atletas são sempre os protagonistas, e eles vendem cada jogo muito caro. Foi um jogo muito truncado, de poucas oportunidades", afirmou.

O empate com o Atlético-PR impediu o Botafogo de figurar na zona de classificação à Copa Libertadores, pois o time agora está em sétimo lugar, com 23 pontos. Mesmo assim, Jair Ventura ficou satisfeito com o resultado, destacando as dificuldades que o adversário costuma impor quando atua na Arena da Baixada.

"O Botafogo joga para vencer, mas jogar aqui é sempre muito difícil. Apesar de o Atlético-PR estar próximo da zona de rebaixamento, empatou com o Corinthians e vem em uma crescente. É uma equipe com tradição, grande elenco. Foi o melhor mandante no ano passado. Nos últimos quatro jogos, de 12 pontos disputados, fizemos 8. Não é um resultado ruim, não", disse.

O Botafogo voltará a jogar no próximo domingo, quando vai visitar o Atlético Goianiense. Jair perdeu Emerson, Carli, Igor Rabello e Rodrigo Pimpão para o duelo em Goiânia, todos suspensos, e agora buscará soluções para escalar o time.

"Tem que se reinventar, a gente vai mostrar a força do nosso enxuto, mas muito competitivo elenco. Aqueles que estiverem em condições físicas e melhor momento de disputar esse jogo fora vão entrar. A gente sempre busca o melhor time para vencer as partidas", comentou. 


Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM