terça-feira, 25 de abril de 2017

Collor teria desviado R$ 9 milhões, diz inquérito da PF

Corporação concluiu uma das investigações sobre o senador na Lava Jato.

A Polícia Federal informou ter concluído uma das investigações sobre o senador Fernando Collor (PTC-AL) na Operação Lava Jato na segunda-feira (24). 

A corporação concluiu que há indícios de peculato (quando há desvio ou prejuízio dos cofres públicos)de cerca de R$ 9 milhões no caso. 


Collor é suspeito de influenciar a BR Distribuidora na concessão de empréstimos no valor de R$ 7,2 milhões para empresa Laginha Agro Industrial S/A, sem garantia razoável ao risco da operação. A companhia pertence ao usineiro alagoano João José Pereira de Lyra e estava em sérias dificuldades financeiras na época do acordo.

Por meio de nota, o senador disse ter defendido os interesses de Alagoas, "cumprindo atribuição de parlamentar representante daquele estado".

Agora, a Procuradoria Geral da República (PGR) vai analisar o relatório da PF e decidir se apresenta denúncia contra o senador no Supremo Tribunal Federal (STF) ou se arquiva o caso. O parlamentar responde a sete inquéritos no STF pela Lava Jato. As I
nformações são do G1.

texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM