segunda-feira, 20 de março de 2017

Funcionários do Hospital de Laranjeiras fazem manifesto em frete à Prefeitura

Apenas serviços de urgência e emergência estão sendo realizados no Hospital.

Com salários atrasados desde janeiro, funcionários da Associação Hospitalar de Sergipe, que foi contratada pela Prefeitura de Laranjeiras para administrar o Hospital São João de Deus, realizaram ato nesta segunda-feira, 20, em frente à Prefeitura do município.


Os servidores estão em greve desde a última quarta-feira, 15 de março.

No Hospital, apenas serviços de urgência e emergência estão sendo realizados. O atendimento é feito por apenas um médico, um enfermeiro e dois técnicos de enfermagem.



A enfermeira Camila Guimarães informou que não há diálogo entre a unidade hospitalar e a gestão municipal. “Ninguém fala nada. Eles só dizem que não vão pagar e pronto”, destacou. Camila falou também que a prefeitura pede documentos, que são enviados, mas não há retorno quanto ao pagamento.

Enquanto isso, a população, que segundo a enfermeira, é bastante carente, sofre sem a assistência médica. “Não temos condições de atender porque, além dos salários, também falta material, como o soro”, revela Camila.

Ofício

Sem diálogo, os servidores invadiram a prefeitura, mas não conseguiram localizar ninguém no gabinete do prefeito e um ofício foi entregue a um servidor.

O RSNOTÍCIA está à disposição da Assessoria de Comunicação da gestão municipal para divulgar sua versão e resposta sobre as cobranças dos funcionários do Hospital. Através do email: rsnoticia2@gmail.com e do whatsApp: 996290665.

Da Redação


texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM