domingo, 26 de março de 2017

Fluminense despacha o Macaé e segue na ponta do grupo C

O Fluminense recebeu o Macaé na noite deste domingo e venceu a equipe do Norte Fluminense por 3 a 0. O jogo, válido pela quarta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, teve gols de Richarlison, Sornoza e Wellington Silva. Com a vitória, o Flu segue líder do grupo C com nove pontos, e deixa o Macaé na lanterna do grupo B, com apenas um ponto ganho.

Na próxima rodada, o Tricolor vai encarar o Madureira em Moça Bonita, na quarta-feira.

O Macaé, já sem chances de classificação às semifinais, joga no mesmo local contra o Bangu, no dia seguinte.

O Jogo – O duelo em Mesquita começou com o Fluminense buscando a pressão sobre o Macaé, que adotou uma postura recuada. Apesar do técnico Abel Braga pedir a seus comandados para tentar sufocar o adversário, a equipe da Região dos Lagos conseguiu a primeira finalização do jogo, num chute de Zotti da entrada da área, que Diego Cavalieri defendeu.

O Flu respondeu aos 15 numa bomba de Richarlison de fora da área. O goleiro Milton Raphael tocou na bola e ela explodiu no travessão.

Fechado na defesa e explorando os contra-ataques, o Macaé teve três chances de abriri o placar. Aos 16, Rafael Lourenço, dentro da área, chutou fraco e a zaga cortou. Aos 20, Jones, livre na esquerda da área, acertou a rede pelo lado de fora.

Aos 24, a melhor chance do Macaé no primeiro tempo. Marquinho avançou em velocidade pela direita e tocou na área para Jones. O atacante cruzou rasteiro para o meio, mas Cavalieri conseguiu se antecipar a Rafinha e a bola não entrou.

O Flu conseguiu abrir o placar aos 32. Pedro recebeu na intermediária e levantou para Richarlisson entrar sozinho na marca do pênalti e mandar para o barbente.

O Tricolor continuou pressionando e quase ampliou aos 39. Sornoza cobrou escanteio e Renato Chaves cabeceou rente à trave direita de Milton Raphael.

Fluminense começou o segundo tempo da mesma forma que na etapa inicial: marcando pressão a saída do Macaé. E não demorou para os comandados de Abel Braga ampliarem o marcador. Aos 7, Sornoza se aproveitou de uma bobeira da zaga para roubar a bola e ficar cara a cara com Milton Raphael. Com categoria, o equatoriano tocou no canto e fez 2 a 0.

O terceiro do Flu saiu de outro vacilo da defesa do Macaé. Desta vez quem roubou a bola foi Pedro, que acionou Sornoza na direita. O equatoriano se livrou do marcador e tocou para Wellington Silva chutar cruzado para o fundo da rede, aos 17.

Com a vantagem tranquila no placar, o Flu diminuiu o ritmo e o Macaé também. Abel ainda tentou animar a partida com substituições, mas o placar se manteve até o final.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3 X 0 MACAÉ


Local: estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita (RJ)
Data: 26 de março de 2017, domingo
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá
Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira e Thiago Gomes Magalhães
Cartões Amarelos: Richarlison (Flu); Ronaldo, Ebert (Macaé)

Renda: R$ 23.100,00
Público: 1.207 pagantes
GOLS:
FLUMINENSE: Richarlison, aos 32 min do 1º tempo; Sornoza, aos 7 e Wellington Silva aos 17 min do 2º tempo.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Renato Chaves, Henrique e Léo Pelé; Wendel, Marquinho (Nogueira) e Sornoza; Wellington Silva, Pedro (Henrique Dourado) e Richarlison (Marcos Junior)
Técnico: Abel Braga

MACAÉ: Milton Raphael, Ronaldo, Aislan (Matheus Cambuci), Ramon e Ebert; Rafinha, Alan, Rafael Lourenço (Hudson), Zotti e Marquinho; Jones (Willean Lepu)
Técnico: Toninho Andrade

Gazeta Esportiva


texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM