quinta-feira, 16 de março de 2017

Empresária que pediu para Moro 'limpar país' é alvo da Lava Jato

Renata Monteiro foi conduzida coercitivamente para depor em nova fase da operação.

A empresaria Renata Loureiro Borges Monteiro foi alvo de condução coercitiva da Operação Lava jato na última terça-feira (14).

Dias antes de depor à Polícia Federal, ela havia publicado nas redes sociais uma foto do juiz federal Sergio Moro com a seguinte frase: "É de cabeça erguida que iremos limpar o país!".

O marido de Renata, Luiz Carlos Velloso, ex-subsecretário de Transportes de do ex-governador do Rio Sérgio Cabral, foi preso pela Lava Jato também na terça.



Os procuradores da força-tarefa da Operação pediram bloqueio de R$ 12 milhões em bens de Velloso.

As informações são da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo.


texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM