domingo, 12 de março de 2017

Delator diz que Aloysio Nunes recebeu meio milhão de reais em caixa 2

Recursos foram usados para campanha de 2010 ao Senado.


O novo ministro das Relações Exteriores do governo Michel Temer, Aloysio Nunes (PSDB), que tomou posse na semana passada, teria recebido meio milhão de reais pelo caixa dois para a sua campanha ao Senado, nas eleições de 2010.

As informações constam em delação premiada do ex-diretor da Odebrecht, Carlos Armando Paschoal, conhecido como CAP.

Em depoimento aos investigadores da Lava Jato, ele contou ainda que foi o próprio Aloysio quem pediu o dinheiro, entregue em duas ou três parcelas, durante encontros em hotéis da capital paulista.

Na ocasião, Aloysio Nunes foi o senador mais votado da história de São Paulo, com mais de 11 milhões de votos, segundo informações da Folha de S. Paulo.

Na prestação de contas ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o senador Aloysio Nunes informou que arrecadou R$ 9,2 milhões naquelas eleições, mas a empreiteira não aparece entre os doadores.

A delação foi homologada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e a PGR (Procuradoria-Geral da República) deve pedir nos próximos dias a abertura de inquéritos para investigar os políticos citados.O ministro não se pronunciou sobre o assunto. Informações do Notícias ao Minuto.

texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM