segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

PF não descarta dano a material da Lava Jato após incêndio

Diretor-geral da Polícia Federal estuda ir a Curitiba para acompanhar apuração do caso.

O diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, estuda ir a Curitiba para acompanhar a apuração sobre um princípio de incêndio que atingiu a Superitendência da PF na madrugada da segunda-feira (20).



As informações são da coluna Expresso, do site da revista Época. De acordo com a publicação, Daiello deve chegar à capital paranaense na terça-feira (21).

Até o momento, a PF não sabe as causas do fogo nem descarta danos a material de investigação relacionado à Operação Lava Jato. O expediente foi suspenso por um dia após o incidente.

Coluna Expresso

texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM