segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

“Você é o lixo dessa história”, diz Jackson Barreto respondendo a Edvan Amorim

Governador responde ao empresário Edvan Amorim, ainda sobre o episódio da transferência de Saumíneo Nascimento do comando do Banco do Nordeste em Sergipe para Alagoas.

O governador Jackson Barreto respondeu aos ataques do empresário Edvan Amorim dizendo que quem acompanhou pelas manchetes dos jornais o processo de transferência da dívida que ele contraiu no Banco do Nordeste em Minas Gerais, por meio de laranjas, sabe que a transferência para Itabaiana só não aconteceu por causa de uma decisão do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, atendendo uma ação do Banco do Nordeste em Sergipe comandado por Saumineo Nascimento.

Para o governador, Edvan Amorim confessa o crime contra Saumineo Nascimento quando usa o argumento que há um “rodízio nas superintendências”.

Em relação às críticas do empresário, o governador disse que já houveram embates duros entre eles em campanhas eleitorais, e jamais Edvan Amorim apresentou nenhuma acusação sobre semanada ou pedágios. “Esse é um vocabulário bem próprio de Edvan que já foi condenado a cumprir cadeia, mas na hora de ir para o presídio conseguiu uma liminar que o livrou de cumprir a pena. Foi por pouco”, disse Jackson Barreto.

“Tenho orgulho é de dizer como anunciou a mídia nacional semana passada que estou entre os dois governadores do Nordeste que não estão sequer citados na delação da Odebrecht”, afirmou o governador.

Jackson Barreto disse ainda que em relação a questão do lixo de Aracaju levantada por Edvan Amorim ele não vai nem discutir. “Edvan Amorim, eu não vou discutir qualquer assunto sobre lixo, por que você é o próprio lixo de toda essa história”, finalizou o governador.

Da Redação com informações da Assessoria

Leia Também:

Repercussão da matéria divulgada no Portal ‘A Hora da Verdade’


As declarações do governador Jackson Barreto (PMDB) divulgadas  no portal ‘A Horada verdade’ provocou uma movimentação nas redes sociais neste domingo (08). A reportagem conseguiu fazer a pauta de sites de notícias, após umas publicações feitas pelo empresário Edvan Amorim, em resposta ao governador Jackson Barreto.

Edvan acusou que Jackson Barreto estaria recebendo propina de empresário: “não tomei nenhum empréstimo no BNB, e esse governador de plantão não aguenta uma delação de um empresário ligado a história do lixo de Aracaju e muito menos de uma agência de publicidade. Aliás, quem recebe dinheiro de empresário no privado escondido não tem moral para nada”.

Segundo Edvan Amorim, “esse governador já o conheço muito quando só andava atrás de mim e do meu dinheiro. Quem recebe dinheiro de empresário no privado, às escondidas não sou eu. Este governo passará para história de Sergipe como o mais corrupto de Sergipe e só iremos saber a verdade quando esse ele terminar. Aliás, quem recebe dinheiro de empresário no privado escondido não tem moral para nada”, disse.

Edvan Amorim concluiu afirmando: “pois é! Mas comigo é mais embaixo, conheço Jackson e todos a serviço, e repito: esse governo quando terminar virá a público todas as mazelas e corrupção das mais variadas formas. E mais, difamar a mim e minha família, não ficará sem resposta, não vivo de política e muito menos do poder público, quem paga minhas contas sou eu diferente de muitos que se dizem arautos da moralidade. Não tenho nenhum medo dele, respeito a função pública do governador, mas ele se dê ao respeito para ser respeitado”.


Do Portal 'A Hora da verdade'


texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM