domingo, 11 de dezembro de 2016

Xuxa lembra susto em voo: 'Sempre disse para Junno que a gente ia morrer junto'

XUXA LEMBRA SUSTO EM VOO: 'SEMPRE DISSE PARA JUNNO QUE A GENTE IA MORRER JUNTO'
Xuxa contou em entrevista ao programa do Porchat, que vai ao ar na próxima quarta-feira, que não quis dar a mão para o namorado, Junno Andrade, durante o susto que passou num voo recente: 'Falei: 'Não quero morrer agora'.

Na última semana o avião em que Xuxa viajava para o Piauí foi atingido por um raio e precisou fazer um pouso de emergência em Brasília. Logo após a aterrissagem, a apresentadora gravou um vídeo contando o que aconteceu para tranquilizar os seus fãs, que colocaram o nome da artista em um dos assuntos mais comentados do Twitter. Mas na última sexta-feira, a mãe de Sasha gravou uma entrevista para o "Programa do Porchat" e relatou em detalhes os momentos de sufoco que passou dentro do avião.

"Eu sempre disse para o Ju [Junno Andrade, seu namorado] que a gente ia morrer junto. Aí ele queria pegar minha mão, e eu não queria. Falei: 'Não quero morrer agora'", contou ela, como adiantou o jornal "Folha de S. Paulo" deste sábado (10). Apesar disso, Xuxa contou que foi a última a colocar o cinto de segurança e a máscara de oxigênio porque decidiu mandar mensagens no celular para a filha e para sua mãe, dona Alda. "Escrevi pra Sasha 'eu te amo'. E pensei: 'Vai que acham meu celular, o chip'", explicou, afirmando que tudo aconteceu de forma muito lenta, quando o avião saiu dos 45 mil para os 15 mil pés.

A apresentadora contou ainda que após o susto, dormiu deitada em um sofá, algo que não tem o costume de fazer. E que tirou uma lição dos momentos tensos que viveu: "A gente aprende que não tem que se preocupar com coisas pequenas, se está gorda, velha. A gente tem que dizer o tempo todo o quanto ama as pessoas".

Xuxa relembra carreira na TV Globo: 'Vivia numa bolha'

Na entrevista, que vai ao ar na próxima quarta-feira (14), Xuxa relembrou também os 28 anos que passou na TV Globo, antes de ser contratada pela Record, em 2015. "Quando estava na outra emissora, vivia numa bolha, mais protegida, com gente puxando meu saco. Hoje as pessoas que se aproximam de mim tem uma história. Mudou. Me sinto mais próxima", disse, como informou a colunista Keila Jimenez.

E relembrou o convívio com sua ex-empresária, Marlene Mattos, que, segundo ela, era quem decidia tudo. A parceria entre elas foi quebrada em 2002 e, desde então, a artista vem cuidando mais de perto de toda a sua carreira.

Informações do Purepeople

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM