quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Vaga de suplente na ALESE será ocupada por Adelson Barreto Filho

''Ele assume, não teve o diploma cassado'', afirma Bispo.

Adelson Barreto Filho, o Tijoi, mesmo estando afastado da Câmara de Vereadores de Aracaju (CMA) por causa da Operação da Polícia Civil, denominada Indenizar-se, que investiga o desvio das verbas indenizatórias, assume no próximo dia 2 de janeiro a vaga de suplente de deputado estadual na Assembleia Legislativa de Sergipe (ALESE).


“Ele assume, está diplomado, não teve o diploma cassado. Então, quem assume é o Tijoi, que não tem nada cassando o mandado do deputado Tijoi. Dia 2, ele chegando à ALESE e apresentando seu diploma, a Assembleia tem por obrigação nomeá-lo”, afirma o presidente da ALESE, deputado Luciano Bispo.

Além de Adelson Barreto Filho, também ocupam as vagas de suplente Morito Matos, no dia 2 de janeiro, e Gilmar Carvalho, no dia 9, como informa Luciano Bispo: “Eles têm 30 dias para assumirem as vagas”, explica.

O presidente da ALESE se pronunciou quanto a situação dos deputados Augusto Bezerra e Paulinho das Varzinhas, que estão afastados da ALESE por causa das investigações das verbas de subvenções. “Eu acredito que agora no primeiro semestre de 2017 a Justiça dê um veredito final para que se possa resolver a situação deles”.

De deputado para prefeito


Embora o deputado Valmir Monteiro já tenha se despedido dos colegas e funcionários da ALESE para assumir a prefeitura do município de Lagarto, cuja posse está prevista para este domingo, 1º de janeiro de 2017, ele marcou presença na Assembleia na manhã desta quarta-feira, 28, para participar da votação do Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que propõe a criação de um Fundo Estadual de Financiamento das Indústrias (FEFI).

“Assumo às 9 horas na Câmara de Vereadores de Lagarto, após a missa, à noite, estarei recebendo a faixa na prefeitura. Assumo com grande compromisso com a população porque nós tivemos uma votação expressiva, mas tranquilo porque já tive a oportunidade de dirigir o município de Lagarto de 2009 a 2012. A preocupação é de reconstruir Lagarto e fazer a cidade que povo merece”, afirma.

Também no domingo, às 16 horas, no Fórum Ministro Heitor de Souza, em Estância, quem toma posse do cargo de prefeito é Gilson Andrade. “A partir das 18 horas já terei acesso a Prefeitura. E às 19 horas acontece uma missa solene na Igreja do Rosário. Assumo com muita coragem, vontade, determinação, otimisto, entusiasmo acima de tudo. Não somente eu, como toda equipe que foi montada está com esses sentimentos”, diz o prefeito eleito.

Gilson Andrade assina a renúncia ao cargo de deputado estadual na ALESE na próxima sexta-feira, dia 30, deixando a vaga que será ocupada por Adelson Barreto Filho. Já o padre Inaldo, que também entrega o cargo de deputado estadual, assume a prefeitura do município de Nossa Senhora do Socorro.

Moema Lopes, do Portal infonet



texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM