domingo, 11 de dezembro de 2016

Inter joga mal, fica no empate contra o Flu e é rebaixado para a Série B

O Internacional tinha uma difícil missão neste domingo: vencer o Fluminense e ainda torcer por tropeços de Vitória e Sport, mas não conseguiu nem fazer a sua parte. Na rodada final do Campeonato Brasileiro, o Colorado gaúcho atuou muito mal e não saiu de um empate em 1 a 1 contra o Fluminense, no estádio Giulite Coutinho, em Mesquita.


Os dois gols saíram no segundo tempo: Douglas abriu o placar para o Flu, e Gustavo Ferrareis empatou para o Inter. A igualdade decretou o rebaixamento inédito do Colorado à segunda divisão do Campeonato Brasileiro em 2017.

O Inter fechou a competição na 17ª posição com 43 pontos em 38 rodadas. Foram 11 vitórias, 10 empates e 17 derrotas. Já o Flu ficou em 13º com 50 pontos.

O JOGO

Apesar do forte calor na Baixada Fluminense, o duelo em Mesquita começou movimentado. O Inter, como era esperado, tomou a iniciativa no início do primeiro tempo, e com apenas dois minutos já assustou a meta Tricolor. Vitinho avançou pela esquerda, penetrou na área e cruzou rasteiro. Valdívia recebeu, encarou a marcação e chutou cruzado, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Passada a pressão inicial, o Fluminense começou a controlar melhor o jogo e, com Gustavo Scarpa com liberdade, passou a levar mais perigo para a defesa Colorada. Aos 13, o ataque Tricolor trabalhou bem a bola, com tabela entre Wellington e Douglas, que terminou no passe preciso para Scarpa livre pelo meio da área. O 10 do Flu bateu de primeira e Danilo Fernandes fez grande defesa e mandou para escanteio.

Com o crescimento do Flu, o Inter mostrava nervosismo e até uma certa apatia. Os comandados de Lisca tentavam manter o domínio da posse de bola, mas partiam pouco ao ataque.

O Inter finalmente respondeu aos 41. William recebeu na direita e cruzou, mas Henrique cortou para escanteio. Após a cobrança, Vitinho recebeu na área e bateu com força, mas Edson bloqueou.

No minuto seguinte, ataque em velocidade do Flu: Henrique Dourado foi lançado na ponta esquerda e cruzou para a chegada de Richarlison, que foi derrubado por Alex na área. Pênalti marcado por Heber Roberto Lopes. O mesmo Richarlison partiu para a cobrança, mas chutou mal e Danilo Fernandes salvou o Inter mais uma vez.

No intervalo, o goleiro Júlio César acusou dores na perna esquerda e teve de ser substituído por Marcos Felipe. Já o Inter voltou sem alterações para o segundo tempo. O panorama do jogo seguiu o mesmo. Apesar da necessidade do resultado, o Inter não mostrava a garra necessária e parecia sem forças para correr atrás do resultado.

Logo aos dois, Scarpa lançou Wellington livre no ataque e ele tentou fazer por cobertura na saída de Danilo, mas a bola não foi na direção do gol e acabou cortada pela defesa. Aos 13, Richarlison arrancou e soltou a bomba, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Aos 19, Lisca tentou mexer para dar sangue novo à equipe. Saíaram Alex e Valdívia e entraram Rodrigo e Gustavo Ferrareis. Quatro minutos depois, Vitinho deixou o campo para a entrada de Ariel.

As modificações, entretanto, não mudaram a atuação constrangedora do Inter diante dos poucos torcedores presentes em Mesquita, e só dava Flu em campo. Aos 27, Wellington recebeu na esquerda, avançou e viu Douglas na entrada da área. O volante recebeu, dominou e disparou um balaço de canhota. A bola desviou na zaga e Danilo nada pode fazer: 1 a 0 Flu.

O gol Tricolor só reforçou o clima de velório que rondava o banco do Inter durante a maior parte do jogo. Mas em campo, alguns jogadores do Colorado ainda tentavam impedir o que parecia inevitável.

Aos 41, o jovem Gustavo Ferrareis deu esperanças ao torcedor colorado ao empatar a partida. Ele ganhou a bola na intermediária e arriscou de longe. Marcos Felipe pulou atrasado e foi surpreendido.

Mesmo com quatro minutos de acréscimo, o Inter não conseguiu virar o marcador e saiu de campo rebaixado.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE-RJ 1 X 1 INTERNACIONAL-RS


Local: Estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita (RJ)
Data: 11 de dezembro de 2018 (Domingo)
Horário: 17h(de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Renda: R$ 73.400,00
Público: 3.847 presentes
Cartóes Amarelos: Marcos Junior (Flu); Alex (Inter)

Gols:

FLUMINENSE: Douglas, aos 27min do 2º tempo

INTERNACIONAL: Gustavo Ferrareis, aos 41min do 2º tempo

FLUMINENSE: Júlio César (Marcos Felipe), Wellington Silva, Nogueira, Henrique e William Matheus; Douglas, Edson e Gustavo Scarpa; Wellington, Richarlison (Marcos Junior) e Henrique Dourado (Pedro)
Técnico: Marcão

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes, William, Paulão, Ernando e Alex (Rodrigo); Anselmo, Rodrigo Dourado, Anderson e Valdívia (Gustavo Ferrareis); Vitinho (Ariel) e Nico López
Técnico: Lisca

Informações do Gazeta Esportiva



texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM