terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Globo decide desembolsar R$ 300 milhões para manter atração no ar

Brasileirão e estaduais devem permanecer de fora da Band em 2017. Globo decide desembolsar R$ 300 milhões para manter atração no ar

Ao contrário da Band, a Globo parece mesmo disposta a investir pesado no futebol nacional em 2017.

O canal carioca acabou de fechar contrato de mais de R$ 300 milhões por ano com a CBF. O acordo é apenas válido para a “Copa do Brasil” e inclui as transmissões em TV aberta, em TV por assinatura (SporTV e Premiere) e na internet.

O novo contrato entre Globo e a CBF vale de 2018 até 2022 e o valor será usado para o pagamento de cotas aos clubes, prêmios e logística das equipes. Esse preço pago é quase o triplo do praticado até 2017, segundo o site “Notícias da TV”.

O fato é que por conta disso, a CBF vai aumentar as premiações aos clubes. Os campeões do torneio receberão até R$ 68,7 milhões. Só para comparação, o Grêmio, vencedor da Copa do Brasil desse ano, recebeu R$ 9 milhões pelo título. O vice-campeão vai receber R$ 20 milhões pela participação a partir de 2018.

“O valor contratado alcança a expressiva marca de R$ 2,5 milhões, em média, por partida realizada. O montante que será pago ao campeão, por exemplo, pode equivaler a mais de um terço da receita anual de 14 dos 20 clubes da Série A do Brasileirão”, afirmou Rogério Cabloco, diretor executivo de gestão da CBF, em nota oficial.

TV Foco

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM